Dicas & Destinos

20 atrações curiosas na República Tcheca

Uma viagem à Tchéquia pode ser forrada de tradições e atrações bem conhecidas. Porém, o país tem o “lado B”, com inúmeros locais curiosos – para dizer o mínimo. São estruturas naturais incomuns, bares bizarros, galerias de arte irreverentes e passeios arrojados. A República Tcheca oferece atrações curiosas e inusitadas para todo tipo de viajante. Listamos 20 atrações curiosas desse Lado B da Tchéquia, que convivem em harmonia com os conhecidos cenários de castelos, palácios e história secular.

1 – A torre de Ještěd tem a inusitada forma de um hiperbolóide. Colocada no alto de um morro, parece ser a continuação natural do relevo, tal como projetou o arquiteto Karel Hubáček, e que acabou lhe valendo o prêmio Perret da União Internacional de Arquitetos. A estrutura abriga um hotel, um mirante e sua função primária – uma torre de TV.

Localização: Liberec.

2 – Passeio no topo das árvores é o nome genérico de estruturas espalhadas em diversos lugares do país. Consistem em passarelas de madeira elevadas até o topo das árvores, que invariavelmente levam para um mirante ainda mais elevado – pode chegar a 45 metros. Do topo, pode-se caminhar de volta, descer por uma escadaria ou, em alguns casos, por um escorregador gigante.

atrações curiosas na República Tcheca

Localização: Lipno, Pustevny, Krkonoše.

3 – O Reservatório de Dlouhé Stráně é uma obra de engenharia totalmente integrada com a natureza. Formada por um tanque superior, visível, e um inferior, oculto, o reservatório gera energia passando a água do primeiro para o segundo. Mas todo o maquinário fica oculto, o que dá a Dlouhé Stráně a aparência de um plácido lago no topo de uma montanha, convidativo para caminhadas na natureza. O que de fato é!

Localização: Dlouhé Stráně, ao norte de Olomouc.

4 – O Memorial Nacional das Escutas é um conjunto de esculturas entalhadas nas faces de uma antiga pedreira, hoje tomada pela natureza. O autor Radomir Dvorak as nomeou Orelha de Bretschnider, Boca da Verdade e Olhos Dourados, e são uma metáfora às possibilidades de obtenção de informações sobre a privacidade dos indivíduos. Valia na Guerra Fria, vale hoje em dia.

atrações curiosas na República Tcheca

Localização: Havlíčkův Brod, região de Vysocina.

5 – Cidades de Pedra é o nome que se dá às formações rochosas em Adršpach e no Paraíso Tcheco. São grandes torres de pedra arenítica que formam paisagens inusitadas. Em muitas das torres se pode escalar, mas, mesmo para quem não é atleta, a vista dos mirantes é deslumbrante.

Localização: Adršpach / Paraíso Tcheco, ao norte de Praga.

6 – O castelo e eremitério de Sloup é uma fortaleza que tem a maior parte de sua estrutura escavada na rocha. Com uma história que remonta à Idade Média, quando era uma fortaleza em meio à rota do sal, foi abandonado por séculos até que se tornou, no século 18, lar de eremitas.

Localização: Sloup, ao norte de Brno.

7 – A Siderúrgica de Vítkovice funcionou até 2006. Com o fim da extração de carvão na região, foi desativada e transformada em um centro cultural com vários espaços para os mais variados tipos de eventos, como o festival de música Colors of Ostrava.

Localização: Ostrava.

8 – As Casas e o Canal de Baťa foram construídas por ordem do empresário homônimo, que queria prover residência para seus funcionários e criar um caminho para escoar a produção de sapatos de sua fábrica. Considerado um visionário, Baťa deixou suas marcas na cidade.

Localização: Zlín.

9 – Os Estábulos de Kladruby são a mais nova adição à lista de Patrimônios da Humanidade da UNESCO em território tcheco. A criação de cavalos de raça nessa localidade remonta há muitos séculos, e daqui saiam os cavalos que serviam na corte austríaca do século 19.

Localização: Kladruby nad Labem, região de Pardubice.

10 – O Relógio Astronômico Comunista é uma reconstrução, na estética socialista, do antigo relógio astronômico de Olomouc, destruído ao final da Segunda Guerra. Os apóstolos foram substituídos pelos proletários, os anjos por ferreiros, e os mosaicos de santos por cientistas. Todo dia, às 12h, o relógio faz uma apresentação de 5 minutos.

Localização: Olomouc.

11 – A Igreja de São João Nepomuceno em Žďár nad Sázavou foi projetada pelo arquiteto Jan Santini Aichel incorporando o número cinco em vários elementos: cinco altares, cinco portas, cinco capelas… O número cinco vem da lenda de São João Nepomuceno que, após ser torturado e morto, foi atirado no rio Moldava. No local de sua queda, surgiu um círculo com cinco estrelas, que passaram a representar o santo.

atrações curiosas na República Tcheca

Localização: Žďár nad Sázavou, na região de Vysocina.

12 – O Ossuário de Sedlec, em Kutná Hora, é uma capela decorada com os restos mortais de 40.000 pessoas. A decoração, feita por um frade local, inclui lustres, brasões e pirâmides de ossos. Um memorial que nos lembra da finitude do ser humano.

Localização: Kutná Hora.

13 – O que dizer de uma igreja antiga, em cujos bancos estão… fantasmas? Essa é a Igreja de São Jorge, no povoado de Luková. Os fantasmas são obra do artista plástico Jakub Haldrava, que criou as formas com tecidos e gesso. Junto com o ambiente da igreja, é ao mesmo tempo assustador e fascinante.

Localização: Luková, Boêmia Ocidental.

14 – O Salão dos Vinhos Tchecos é uma exposição permanente que acontece nos porões de um palácio em Valtice. Todos os anos, os 100 melhores rótulos do país são escolhidos em um concurso, e disponibilizados para prova no Salão. Tintos, brancos, rosés e espumantes estão categorizados e explicados – e todos disponíveis para venda no local.

Localização: Valtice, Morávia do Sul.

15 – Em Brno há um bar chamado Super Panda Circus. Para conhecê-lo, você precisa que alguém lhe diga aonde ir, porque da rua ele é invisível – nenhuma placa, nenhum neon, apenas uma porta como outra qualquer, fechada. O interior, completamente psicodélico, e os drinques, bizarros, para dizer o mínimo. É Brno e sua irreverência em estado puro.

Localização: Brno.

16 – Em um passado distante, sem smartfones com câmeras de 20 megapixels, quem queria registrar um momento tinha que buscar um fotógrafo. Em Cesky Krumlov, ele era Joseph Seidl que, por sorte, conseguiu deixar um amplo acervo de fotografias do início do século 20, contando a história de uma época. Você a pode ver no Fotoatelier Seidl.

Localização: Cesky Krumlov

17 – Também do início do século 20, temos o Portmoneum de Litomysl. Era o imóvel da família Portmon, que apreciava o trabalho do artista plástico Josef Vachál. O artista decorou as paredes da casa com danças de diabos, figuras místicas e santos e seu trabalho só foi compreendido após sua morte.

Localização: Litomysl, região de Pardubice.

18 – A rua mais estreita de Praga está em Malá Strana e só comporta UMA pessoa por vez. Por isso, ela tem um curioso semáforo de pedestres, para que não haja entalamentos de transeuntes. Felizmente, a rua leva para um largo sem saída, e por isso não há tanto movimento – exceto o dos turistas curiosos.

Localização: Malá Strana, Praga.

19 – A Igreja ”sem porta” de Nossa Senhora de Týn é uma silhueta dominante na Praça da Cidade Velha. Muita gente roda em volta dela, procurando como entrar. Ela tem, sim, uma porta, mas está oculta pelos edifícios que estão à sua frente. Para entrar na igreja, atravesse as arcadas.

Localização: Cidade Velha, Praga.

20 – O Mundo Medusa é um curioso aquário dedicado exclusivamente a – sim, medusas! Também conhecidas como águas-vivas, estas lindas criaturas vêm em várias formas, cores e tamanhos e estão expostas em 38 aquários circulares, no último andar de um shopping center.

Localização: Pankrac, Praga


Não esqueça do seu seguro viagem

Agora que você já está por dentro de todas estas dicas, não custa reforçar que contratar um Seguro Viagem é essencial para a sua tranquilidade durante a viagem. Lembrando, inclusive, que se seu destino for a EUROPA, ele é OBRIGATÓRIO.

Confira nossa matéria sobre Seguro Viagem onde a gente juntou tudo o que você precisa saber sobre o assunto, as melhores dicas para fazer um excelente seguro por um preço incrível economizando muito.

Dica para usar o celular em suas viagens

Poder usar seu celular em qualquer lugar do mundo é no mínimo excelente, já que podemos acessar os aplicativos dos pontos turísticos e das cidades, os aplicativos de cupons de desconto, de reservas, e claro, o GPS que garante uma economia na hora de alugar um carro.

Ficar conectado com todo mundo através das redes sociais, conversar em tempo real e acompanhar o trânsito e horário dos transportes públicos é no mínimo muito mais cômodo. Acho que já deu para entender que usando a internet do seu celular você poderá pesquisar tudo para que sua viagem seja um sucesso, não é? Então, confira aqui nossa sugestão para incluir o Chip Internacional no seu planejamento de viagem e ficar muito mais conectado.

Muito mais dicas de viagem no Instagram e no Youtube!

Está gostando da matéria? Não deixe de visitar também nosso instagram e o nosso canal no Youtube. Tem várias publicações e vídeos incríveis, com muito mais dicas, para te ajudar a planejar suas viagens. Não esqueça de se inscrever e ativar as notificações.

1 Comentário

  1. Pingback: Embarque na Viagem

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *