Gastronomia etc.

Nem toda a infusão é chá: conheça os tipos tradicionais dessa bebida

Com folhas de tratamento e preparo distintos, há diferentes tipos dessa bebida tão famosa

infusão

O chá é popularmente conhecido como uma bebida produzida por meio da infusão, podendo ser consumido quente ou frio e apresentando sabores variados, que vão do mais amargo até o adocicado, de acordo com a preferência de quem vai consumi-lo. A origem da bebida é antiga, sendo tradicional da China e existindo há mais de dois mil anos, fazendo parte da cultura do país e aparecendo em festas e cerimônias locais.

Apesar de as infusões de frutas, flores e diferentes ervas receberem o nome de “chá”, o preparo tradicional da bebida, considerado a maneira “verdadeira”, é feito com o uso das folhas da planta camellia sinensis. As bebidas feitas por meio de infusão ou uso de folhas secas de camomila, lavanda ou erva-cidreira, por exemplo, recebem o nome de tisana. O nome “chá” também não deve ser atribuído às bebidas prontas e engarrafadas ou aos famosos shots energéticos.

Os variados tratamentos das folhas de camellia sinensis resultam em seis tipos diferentes de chá, de acordo com o grau de oxidação, desidratação e aplicação de variadas técnicas, que resultam em sabores e aromas diferentes para cada tipo. Para o chá perfeito, é preciso levar em consideração também as outras etapas de preparo, como temperatura da água e tempo de infusão. Confira quais são os tipos de chás.

Chá branco

O chá branco é o que passa por menos processos, tendo só os brotos não abertos e as folhas jovens como as partes usadas no preparo da bebida, que são levemente desidratados e secos. O resultado é uma infusão de cor clara e sabor suave, bem consumido sem nenhum aditivo e com um nível alto de antioxidantes. A temperatura ideal da água é de 71 a 77ºC, com tempo de infusão que varia entre 1,5 e 2 minutos.

Chá verde

O chá verde é preparado com a folha o mais próximo de seu estado natural, que passa por um processo de aquecimento chamado de fixação, impedindo a oxidação e preservando um alto nível de antioxidantes, vitaminas e minerais que aumentam os benefícios do consumo do chá verde. O sabor é leve e gramado. A temperatura ideal da água é de 77 a 82ºC, com tempo de infusão que varia entre 2 e 3 minutos.

Chá amarelo

O chá amarelo é conhecido pelo seu processamento parecido com o do chá verde, mas com uma etapa mais lenta de secagem, responsável pela coloração amarelada das folhas, que resulta em um sabor adocicado e levemente tostado. A temperatura ideal da água é de 71 a 77ºC, com tempo de infusão que varia entre 1,5 e 2 minutos.

Chá preto

O chá preto é a variação da bebida mais consumida no ocidente. Ele passa por um processo completo de oxidação, o que resulta em um sabor forte e adocicado, além de um maior teor de cafeína em comparação com os outros tipos de chás. Normalmente, esse tipo é consumido com açúcar, leite ou limão. A temperatura ideal da água é de 88 a 93ºC, com tempo de infusão que varia entre 3 e 5 minutos.

Chá escuro

O chá escuro é conhecido por seu sabor terroso e profundo, decorrente do processo de fermentação microbiana, pressionando as folhas e armazenando-as. As folhas também podem passar ou não por um processo de oxidação, o que influencia no sabor final. A temperatura ideal da água é de 95 a 100ºC, com tempo de infusão que varia entre 2 e 5 minutos.

Chá oolong

O chá oolong é parcialmente oxidado, com a folha descansando por cerca de 2 a 4 horas antes de ser aquecida, para interromper a oxidação. De acordo com o tempo de oxidação, o chá sofre alterações na cor e no sabor, o que cria uma gama de opções geralmente semelhante ao chá preto ou ao chá verde. A temperatura ideal da água é de 82 a 93ºC, com tempo de infusão que varia entre 1,5 e 2 minutos.

As folhas de chás para o preparo tradicional dos diferentes tipos da bebida podem ser encontradas em lojas especializadas e até em floriculturas do RJ, de SP ou de outras cidades do Brasil que comercializam esse tipo de especiaria. De acordo com o local, há variações flavorizadas para acentuar diferentes aromas e sabores, além das infusões de ervas e tisanas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *