Life&Style

5 atividades para fazer em 15 minutos

Em um intervalo de tempo relativamente curto, como 15 minutos, é possível se desconectar e fazer uma série de atividades para ganhar mais qualidade de vida ou aprender algo novo. Confira as sugestões:

15 minutos

1. Entre em forma

Uma pesquisa publicada pelo Jornal da Associação Médica Americana afirma que 15 minutos de exercícios diários são suficientes para conquistar um corpo saudável e evitar reduzir o risco de mortes prematura.

Dica: Para quem adia o início de uma atividade física por falta de tempo ou por não gostar de academias, existem plataformas e aplicativos para fazer exercícios sem sair de casa, como o Queima Diária. A plataforma – com acesso via aplicativo (iOS e Android), computador, celular, tablet, ou Smart TV, possui mais de 450 videoaulas de cerca 15 minutos cada. O usuário pode escolher entre 40 programas, que vão do funcional ao cardio, da yoga ao pilates, do hiit à dança.

2. Medite e busque equilíbrio

As pessoas estão cada vez mais deprimidas e ansiosas. Quem afirma isso é um relatório da OMS (Organização Mundial da Saúde), publicado em 2018. Segundo o relatório, 5,8% dos brasileiros sofrem de depressão e 9,3% têm ansiedade. Considerada uma atividade milenar, a meditação é uma prática bastante utilizada por quem busca uma vida mais tranquila e, consequentemente, equilíbrio para a resolução de problemas da rotina.

Dica: Atualmente, é possível encontrar uma série de vídeos de meditação em canais do YouTube, além de existirem também aplicativos, pagos ou gratuitos, como o HeadspaceMedite.se e o Calm, que ajudam na meditação.

3. Aprenda um novo idioma

Apenas 5% dos brasileiros conseguem se comunicar em inglês, segundo o British Council. Aprender ou aprimorar conhecimentos na língua mais falada no mundo é algo que se torna muito mais fácil quando se tem constância no aprendizado. Dedicar-se ao menos 15 minutos por dia é uma forma de incluir o idioma no dia a dia e manter o aprendizado vivo.

Dica: É possível contratar aulas à distância pesquisando professores em sites como o Superprof e o Professores de Plantão. Outra dica é frequentar grupos de ensino no Facebook. Basta uma busca rápida dentro da rede social com o termo “aprender inglês” para ter acesso a dezenas de grupos. A mesma pesquisa vale para o YouTube, sendo que a plataforma de vídeos possui um vasto conteúdo de aulas gratuitas.

4. Cochilar para ter mais pique

Na contramão do pensamento de que a soneca diurna é sinal de preguiça, estudos comprovam que tirar um cochilo após o almoço – momento em que, naturalmente, as reservas de energia estão em baixa – traz benefícios significantes para a saúde, como o fortalecimento da memória e da capacidade de aprendizagem. Isso aumenta o rendimento nos estudos, trabalho ou qualquer outra atividade.

Dica: Alguns aplicativos ajudam a não perder a hora, como o Sleep As Android. Basta definir o horário, manter o celular próximo ao corpo e o app desperta a pessoa suavemente. Outro aplicativo campeão é o Sleep Better With Runtastic, além da função de despertar levemente, ele também monitora a qualidade do sono, dentre outras diversas funções.

5. Leitura em dia

A leitura estimula as conexões neurais, melhora o aprendizado de linguagens, exercita a criatividade e ainda previne doenças como o Alzheimer. Dedicar no mínimo 15 minutos por dia para ler um livro, sites de notícias, além de trazer benefícios para a mente, permite imersão em temas que poderão estimular a criatividade ou mesmo deixar a pessoa bem informada sobre o que acontece no mundo.

Dica: Quem não quer carregar livros e revistas, pode apostar em dispositivos como o Kindle, que garante uma leitura confortável em tablets e smartphones. Outra dica é apostar nas versões digitalizadas de revistas e jornais e com isso ter acesso a um grande volume de títulos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *