Dicas & Destinos

Tennessee, a trilha sonora da América

Texto e fotos: Viviane Faver 

Uma das melhores formas de conhecer a história dos Estados Unidos é fazendo uma road trip por cidades e Estados não muito turísticos. Eu escolhi o Tennessee pela sua história política, sendo um dos estados americanos mais afetados durante a guerra civil, a arquitetura clássica e, em especial pela rica história da música, que fazem do Tennessee a trilha sonora da América sendo o berço do Blues e terra de ídolos como Jhonny Cash, Elvis Presley entre outras lendas. 

Como moro em Nova Iorque, fui de avião para Knoxville, TN, e assim que cheguei no aeroporto aluguei um carro. Por estar na divisa do estado com a Carolina do Norte, resolvi passar um dia na cidade chamada Asheville, e tive uma agradável surpresa! 

Tennessee, a trilha sonora da América 1

A primeira impressão foi bem positiva, os moradores ainda mantém o life style hippie dos anos 60. A arquitetura é clássica, as lojas na cidade são pequenas boutiques, muitos cristais, incensos e os restaurantes com comida caseira deliciosa.  

Tennessee, a trilha sonora da América 2
Tennessee, a trilha sonora da América 3

A cidade também é conhecida por ter o maior número de cervejarias caseiras do país. A cada esquina tem um bar diferente com cerveja de fabricação própria, que faz com que o centro fique cheio de turistas (a maioria americano dos Estados vizinhos). 

A noite decidi experimentar um jantar “comunitário” onde a proposta é dividir a mesa com estranhos e interagir com eles durante o jantar, que é servido aos poucos com o menu escolhido pelo chef, tendo uma experiência não só da comida, mas a socialização com pessoas de outras culturas. Foi sem dúvida um ótimo começo de viagem. O restaurante se chama Rhubarb Restaurant, e fica no centro da cidade. 

Tennessee

No segundo dia cedo fui em direção a divisa dos dois estados, Carolina do Norte e Tennessee, para explorar as montanhas Blue Mountains e Black Mountains que fazem parte de um complexo chamado Appahalla Mountains. De tirar o fôlego, para quem procura um lugar tranquilo para aliviar a tensão, aconselho alugar uma das cabanas nas montanhas por um final de semana. 

Tennessee

Próxima parada, a pequena e charmosa cidade Chattanooga, TN. Com arquitetura espetacular, a cidade ficou famosa com a música “Chattanooga Choo Choo” escrita por Mack Gordon e composta por Harry Warren, em 1941, gravado com Glenn Miller e sua orquestra para o filme Sun Valley Serenade.

Tennessee

A cidade também conta com gigante parque no topo das montanhas construído por imigrantes alemães, em 1932, chamado Rock City, que ganhou fama, quando durante a guerra civil americana, soldados descobriram que do topo poderiam ver os setes estados – Tennessee, Kentucky, Virginia, Carolina do Sul, Carolina do Norte, Georgia, e Alabama.

Tennessee

Outra curiosa atração da cidade é Ruby Falls, uma cachoeira subterrânea. O passeio se inicia descendo 80 metros numa caverna com corredor estreito de um metro e meio de largura e apenas 46 centímetros  de altura. Descoberta por Leo Lambert, um entusiasta da espeleologia na época, 89 anos atrás, a caverna faz divisa com o estado de Georgia e os visitantes ainda ganham uma aula de geografia do guia quando ele explica como essa atração natural nasceu. 

Tennessee

Deixando a deslumbrante natureza do Tennessee e indo em direção ao centro musical do Estados Unidos, minha próxima parada foi Nashville. 

O centro de Nashville ainda ferve com vários bares e bandas tocando rock e blues, porém, a cidade me decepcionou um pouco por causa da gentrificação, com construções modernas, me pareceu que perdeu um pouco da sua  identidade.  

O que salvou foi o bairro East Nashville, uma das áreas mais excêntricas da cidade, com antigos bares no estilo cowboy onde ainda é permitido fumar dentro e a arquitetura antiga ainda é conservada. 

Também tem uma infinidade de lojas de discos onde podem ser encontradas algumas relíquias do jazz e blues por um preço muito em conta. Sem contar o museu do Johnny Cash, que é parada obrigatória. 

Porém, meu passeio predileto foi a noite no teatro histórico da cidade, chamado Ryman Auditorium, onde assisti ao show de uma das maiores lendas do blues ainda vivo, Buddy Guy. Para comer, um dos melhores restaurantes da famosa galinha frita com pimenta no Hattie B’s.

Próximo destino: Memphis, minha cidade favorita!

Tennessee, a trilha sonora da América 4

Dei sorte de chegar junto com o festival de música anual da cidade, chamado The Beale Street Music Festival, que dura três dias. Todos os bares no centro da cidade abrem suas portas com bandas de blues e durante o evento é permitido beber álcool na rua. 

Tennessee, a trilha sonora da América 5
Tennessee, a trilha sonora da América 6

Para jantar, o melhor lugar de Memphis chama-se Cozy Corner, foi onde experimentei o melhor da comida regional, chamada “southern food”, que é a galinha com milho e costela. 

Tennessee, a trilha sonora da América 7
Tennessee

Memphis foi a única cidade que não fiquei em Airbnb. Decidi ficar num “castelo/hotel”, chamado The James Lee House, uma casa histórica, construída em 1948, com apenas 8 Suítes. Fez toda a diferença para aproveitar ao máximo a experiência em Memphis. 

Parada obrigatória é o Motel Lorraine, onde Martin Luther King foi assassinado. A cidade de Memphis transformou o motel em uma homenagem incrível ao movimento pelos direitos civis que King realizou. O Museu Nacional dos Direitos Civis sofreu uma reforma de 27,5 milhões de dólares em 2012 e, a fim de exibir adequadamente toda a história dos direitos civis, o museu abrange não apenas o Motel Lorraine, mas também vários edifícios em volta. 

Tennessee

E para os verdadeiros fans de soul music o Museu Stax de American Soul Music é outra atração imperdível junto com o famoso e histórico Sun Studio, que é um dos estádios mais ricos musicalmente e historicamente na totalidade dos Estados Unidos. 

Tennessee

É uma lenda em termos de história da música, tendo sido o lugar onde Elvis Presley gravou sua primeira música. Também serviu como base inicial para gravações de muitas lendas do Rock n’Roll, como Johnny Cash, Roy Orbison, Jerry Lee Lewis e uma infinidade de outros músicos.

Tennessee
Tennessee

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *