Variedades & Tecnologia

Veneza vai cobrar até 10 euros aos turistas que visitarem a cidade

O jornal italiano La Repubblica divulgou que é esperado que uma recente medida venha substituir a atual taxa hoteleira (1 euro por cada estrela de hotel) e que todos os visitantes paguem a nova quantia – e não apenas aqueles que passam a noite na cidade.

Dependendo da altura do ano, o valor pode variar entre os dois euros e meio e os cinco euros por pessoa, mas na época alta o preço para visitar Veneza pode chegar aos 10 euros. A taxa vai ser aplicada a todas as pessoas que queiram conhecer a cidade – quer seja por algumas horas ou durante vários dias – e tem como objetivo impedir e diminuir o excesso de turismo.

Segundo o La Repubblica, o governo italiano acredita que a nova medida vai gerar um rendimento entre os 40 e os 50 milhões de euros por ano, podendo ser usado no restauro de monumentos e na manutenção das ruas. Em 2017, 10 milhões de visitantes pagaram a taxa turística, mas a nova medida pode significar um aumento deste número para 27 milhões de pessoas.

Atualmente, os turistas que passam a noite em Veneza têm de pagar uma taxa hoteleira, contribuindo para a emergente questão do lixo e para a economia local. Mas, diariamente, existe um largo número de visitantes que não paga para visitar a cidade – aqueles que chegam em cruzeiros e em excursões de autocarros. Para além de não pagarem a taxa do hotel, estes visitantes não contribuem para economia e ainda trazem consigo o seu próprio lixo.

Veneza recebe mais de 30 milhões de visitantes por ano e os comportamentos destas multidões tornam-se um problema – o lixo é uma das grandes ameaças para a cidade.

As autoridades de Veneza ainda não revelaram de que forma a nova medida vai ser aplicada, mas é possível que a taxa seja cobrada nos bilhetes de aviãobarco ou de qualquer transporte terrestre.

Esta não é a primeira lei ou medida que Veneza aplica para impedir e prevenir o excesso de turismo. Em setembro de 2018 já tinha sido aplicada uma lei que impedia os visitantes de se sentarem no chão, com multas entre 50 e 500 euros.

2 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *