Dicas & Destinos

Conheça os golpes mais comuns aplicado em turistas fora do Brasil

Explorar todas as maravilhas que o mundo tem a oferecer é certamente um dos maiores prazeres da vida. E apesar de todas as pessoas esperarem sempre bons momentos nas viagens, infelizmente, em qualquer lugar do mundo, ninguém está livre de pessoas mal-intencionadas, que podem provocar momentos muito desagradáveis.

Por esse motivo, reunimos alguns dos golpes mais comuns para você se prevenir quando for viajar:

Batedores de carteira

Esse talvez seja o esquema mais comum para roubar turistas. Batedores de carteira podem ser encontrados em qualquer lugar do mundo, mas eles estão principalmente nas grandes cidades, em locais movimentados como metrô, praças e centros comerciais. Por isso, quando viajar, é importante estar sempre atento a seus pertences e de preferência usar um bolso interno para guardar dinheiro e documentos. Em geral, eles atacam pessoas distraídas, mas um truque muito comum também é sujar a roupa de um turista e se oferecer para limpá-la. Batedores de carteira aproveitam esse momento para furtar os pertences de suas vítimas.

Motorista de táxi

Andar de táxi em geral é a opção de todo o turista que não está muito familiarizado com a região, pois com ele não é necessário se preocupar com endereços e rotas. Contudo, é justamente essa falta de conhecimento que é explorada por taxistas do mundo todo que se aproveitam para pegar os caminhos mais longos ou com mais trânsito e assim cobrar mais de turistas. Em alguns lugares, como o Rio de Janeiro,

muitos deles não ligam o taxímetro e no final da corrida inventam um valor muito maior. Uma maneira de evitar esse tipo de esquema é usar aplicativos de táxi ou de carona.

Fotógrafo amigo

Como a maioria dos truques, este se aproveita da confiança dos outros. Em algum ponto turístico alguém se oferece para tirar uma foto sua ou de seu grupo. O favor, no entanto, acaba se transformando em um estorvo. Depois de dar a sua câmera ou seu celular para a pessoa, esse fotógrafo amigo pede por algum dinheiro em troca de ter tirado a foto ou, pior ainda, sai correndo com os seus aparelhos. O triste é que existem pessoas que realmente querem ajudar você a não voltar de viagem só com selfies, mas por conta de alguns indivíduos você sempre vai ficar desconfiado quando alguém oferecer ajuda.

Bracelete da Amizade

Esse é um esquema muito comum em cidades como Roma, Barcelona e Paris. Você é abordado por alguém oferecendo um bracelete da amizade. Se você deixa a pessoa chegar perto, ele começa a contar uma história enquanto trança o bracelete em você. Em geral, depois que o bracelete está trançado, não há como retirá-lo. A pessoa, então, pede dinheiro em troca da lembrança, ou pior, enquanto você está distraído olhando ele fazer as tranças, uma segunda pessoa lhe furta por trás.

Ticket especial

Outro truque muito comum acontece quando você está esperando na fila e uma pessoa, geralmente vestida com um uniforme, vem e lhe oferece um ticket especial que permite que você passe na frente dos outros. Embora de fato algumas atrações ofereçam bilhetes expressos, em geral você deve sempre compra eles do caixa e não na fila. Uma boa maneira de evitar esse esquema e as filas na hora de comprar seu bilhete é adquirir os ingressos pela internet antes de visitar os lugares.

Ligação falsa do hotel

Nesse golpe, alguém liga para o seu quarto de hotel, em geral à noite, depois que você já se acomodou e não está disposto a descer para a recepção. A pessoa se identifica como um funcionário e lhe informa que há um problema com o seu cadastro e, então, pede para conferir os seus dados. Para evitar o trabalho de ir resolver essa questão pessoalmente, você passa por telefone seu número de cartão de crédito e outras informações. Esse é um truque mais comum do que você pode imaginar, por isso, é importante lembrar que você nunca deve passar seu número de cartão de crédito por telefone a ninguém, não importa em que lugar do mundo você esteja.

Câmera quebrada

Nesse esquema, um grupo de pessoas pede para que você tire uma foto deles, quando você vai devolver a câmera, no entanto, alguém força um acidente fazendo com que ela caia no chão. O grupo, então, pressiona você para pagar pelos danos. É muito fácil cair nesse golpe, porque é muito difícil alguém se recusar a tirar uma foto.

Embora todos esses golpes possam acontecer e você deva estar atento a eles, você não pode deixar que isso estrague sua viagem ou lhe impeça de aproveitá-la. Fazer um seguro viagem internacional pode evitar muita dor de cabeça, além de deixar você mais tranquilo com eventuais problemas.

Câmera

A estudante de Inglês

Esse é um golpe muito comum em cidades chinesas como Beijing e Shanghai. Uma garota jovem se aproxima de um turista dizendo ser uma estudante universitária que gostaria de praticar seu inglês. Ele então lhe convida para um restaurante ou bar e depois de comer some e deixa a conta para você pagar ou então conta alguma história com a intenção de convencê-lo a dar dinheiro a ela.

Apreensão de drogas

Esse é um esquema muito comum na Tailândia e ocorre geralmente à noite quando você está a caminho de alguma festa. Alguém na rua ou no táxi oferece algum tipo de droga a você. Se você aceitar, imediatamente um comparsa vestido de policial vem lhe deter e fazer todo o tipo de ameaça, para depois pedir dinheiro para não levar você preso. Esse é um golpe muito assustador e prova que nunca é uma boa ideia comprar drogas ilegais no exterior.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *