Dicas & Destinos

6 destinos de viagem incríveis na Colômbia

Preparando suas malas para a próxima viagem? Já pensou em viajar pela linda Colômbia? Separamos seis destinos incríveis de acordo com vários perfis de viajantes. Confira qual o que se adéqua melhor ao seu e boa viagem!

Cartagena, Colombia

Surf em San Andrés e Cartagena – Que lugar melhor para praticar surf – o popular esporte da prancha– que o mar de sete cores no Arquipélago de San Andrés? A melhor praia da ilha para se praticar é “Punta Sur”, onde as ondas atingem tamanhos enormes nesta época do ano. Se a opção é Cartagena, o lugar ideal é a praia de “Castillogrande”, um dos lugares turísticos por excelência de “La Heroica” (Cartagena). Em qualquer caso, se quer ampliar a oferta, Colômbia conta com 2.900 quilômetros de costa: 1.600 pelo Mar do Caribe e 1.300 pelo Oceano Pacífico, muitos dos quais são ótimos para praticar este tipo de esporte.

San Andrés Islas - Playa Coco Plum b

Pesca Esportiva em “Puerto Carreño” – Rios grandes, que nascem da cordilheira, como o “Meta”, permitem que a região da Orinoquia se torne um dos lugares favoritos para a pesca esportiva. Além de suas paisagens, as espécies que se encontram ali são as que mais chamam a atenção, pois a maioria é de caráter esportivo, como o bagre e “los valentones”, que se destacam por seu tamanho grande. A Orinoquia colombiana vai desde a região de Meta até Vichada, que é limite com a Venezuela, sendo alimentada por rios como o Meta, o rio Tomo, o rio Manacacías, o rio Bita, o rio Cravo Norte e o rio Cravo Sul, o rio Arauca e certamente o exuberante rio Orinoco, que separa a Colômbia da Venezuela.

Mergulho em Taganga, Malpelo e o Parque Tayrona – Em Taganga, a 10 minutos de carro da cidade de Santa Marta, se encontra o lugar ideal para observar de perto a vida submarina. As águas tranquilas e transparentes são o cenário perfeito para que mergulhadores de todo o mundo presenciem “a baia mais bela da América”. Ali funcionam 20 centros especializados em mergulho. Por sua vez, ir ao Santuário da Flora e Fauna de Malpelo é ter a oportunidade de se submergir rodeado de garoupas, pargos, meros, chernes e tubarões martelo. Um arquipélago de 974.474 hectares no Pacífico que se chega depois de navegar 36 horas desde “Buenaventura”. Muitos ônibus vão até lá para ver também o tubarão baleia, que mede até 15 metros de largo. Para finalizar, o Parque Tayrona, lugar onde a selva se encontra com o oceano. Uma de suas praias, “la Cañaveral”, é o ponto favorito escolhido por mergulhadores que visitam esta bela criação da natureza.

peixes

Kitesurf e windsurf no Caribe – O kitesurf é um esporte que utiliza um paraquedas/uma pipa como meio de tração para deslizar sobre a água em uma prancha de surf. O windsurf, por sua vez, consiste em uma prancha com uma vela que é impulsionada pelo vento. Ambos esportes são ideais para se praticar nas praias do Caribe colombiano: de Cartagena a Santa Marta, passando por uma experiência única no Cabo da Vela, o lugar perfeito para praticar o kitesurf por sua água tranquila e sem ondas, muito segura para o salto e posteriormente aterrizagem.

Observação de aves na Lagoa do Sonso, do Chocó e no Parque Natural Amacayacu – 10 quilômetros a noroeste de Buga, no Valle do Cauca, se encontra a Reserva Natural “Lagoa do Sonso”. Um sitio calmo moldado pelo rio Cauca que conta com uma torre de observação de 10 metros de altura. Aves migratórias que viajam no inverno desde os Estados Unidos e encontram seu refúgio nas mais de 2.400 hectares de zonas úmidas que tem na reserva. Também no Pacífico Colombiano se pode ver mais de 650 espécies de aves. A reserva Aljemal, na baia Solano, além de ser o lar de uma grande variedade de espécies endêmicas (próprias de determinadas regiões), também é um corredor migratório importante. Finalmente está o Amazonas, onde habitam mais da metade das 1.889 espécies de aves da Colômbia, e por isso sua observação não é difícil. O Parque Nacional Natural Amacayacu e o Porto Nariño são dois excelentes lugares para ver bandos de mais de 20 espécies de papagaios, periquitos e araras.

parrot-106967_1280

Tartarugas em Capurganá – Entre abril e maio de cada ano as lindas praias de Alcandí, à uma hora de lancha de Capurganá (região de Chocó), se tornam no cenário de um espetáculo inesquecível: a desova das tartarugas Caná, uma espécie muito rara considerada em Perigo (EN) pela União Internacional para a Conservação da Natureza (UICN) e incluída no anexo I da Convenção Internacional para o Comercio de Espécies Ameaçadas da Fauna e Flora (CITES). O feito atrai dezenas de visitantes, que se maravilham com uma espécie que, por sorte, se encontra protegida na Colômbia.

tartaruga1

1 Comentário

  1. Pingback: Embarque na Viagem

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *