Gastronomia etc.

Já pensou em ir à praia com um cooler cheio de latas de vinho branco, tinto ou rosé?

Vinho em lata promete ser a próxima tendência da indústria. Se já é bem comum tomar cerveja em lata, porque não um vinho?

A aposta de várias vinícolas de todo o mundo, principalmente para o verão, são os vinhos em lata para o dia a dia, feitos para consumir geladinhos e de forma descompromissada. É lógico que não são vinhos muito elaborados e muito menos voltados para guarda, mas a vantagem da lata é que é mais prática de se levar para os lugares (praia, parque, piscina etc.), além de refrigerar mais rapidamente.

Essa tendência já está tomando espaço em gôndolas de mercados do mundo inteiro. No Brasil ainda é meio difícil de encontrar, mas em breve será mais uma opção para os amantes do vinhos.

Fundada em 2019 no Rio de Janeiro, a Vivant é a primeira marca brasileira a apostar no formato. A produção é feita na vinícola Quinta Don Bonifácio, em Caxias do Sul (RS), e o produto está sendo vendido também em hostels, barracas de praia e até no cinema (a rede Kinoplex começou a vender as latinhas em algumas de suas unidades). A marca opera ainda um e-commerce próprio que atende todo o Brasil.

Disponível em três versões: branco (chardonnay), tinto (cabernet com merlot) e rosé (syrah com pinot noir), os vinhos enlatados da Vivant têm um teor alcoólico levemente menor que as bebidas engarrafadas.

vinho em lata

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *