Dicas & Destinos

4 dicas para quem vai viajar de Cruzeiro

A temporada de cruzeiros já está para começar aqui no hemisfério sul e do final de novembro, até meados de abril, alguns navios irão fazer a alegria de muitos turistas, incluindo brasileiros que estarão fazendo sua primeira viagem de navio. É nesse momento que pintam muitas dúvidas sobre os cuidados que se deve tomar a bordo pra que a viagem seja perfeitinha. Foi então que pedimos uma ajudinha e pegamos algumas dicas super interessantes com o Dr. José Sallovitz, médico cardiologista e coordenador da equipe médica da Allianz Travel para ajudar a sanar algumas dessas dúvidas para quem vai viajar de cruzeiro pela primeira vez.

viajar de cruzeiro

Bagagem do passageiro

Aproveite que você vai viajar de cruzeiro para levar roupas de lazer, calçados confortáveis e trajes para jantares especiais ou shows. Além disso, se atente aos itens de proteção da pele, medicamentos e itens para fazer curativos rápidos, por exemplo, e, como o aviso nunca é demais, a identifique corretamente.

Dicas de alimentação

Os cruzeiros contam com restaurantes a bordo, em que os viajantes podem desfrutar de culinárias nacionais ou internacionais. Com tanta diversidade de temperos, é preciso identificar quais alimentos proporcionarão uma boa experiência e não comprometerão a viagem. Logo, se você possui alguma restrição alimentar, leia bem os cardápios ou peça orientação dos ingredientes utilizados a alguém da cozinha. Além disso, dependendo da atividade que realizará no seu momento de lazer, consuma alimentos que te ofereçam leveza e, ao mesmo tempo, a energia necessária. Lembre-se: excessos não são saudáveis!

Adquira um Seguro Viagem

Como em todas as viagens, contar com um seguro é imprescindível. “Quem pensa que ele é oferecido apenas para quem viaja de avião está errado. Existe uma modalidade especial para quem irá curtir um cruzeiro, que é o seguro viagem marítimo. Com ele, o passageiro pode aproveitar seus dias em alto mar de maneira mais tranquila, sabendo que, caso haja alguma emergência médica, odontológica, de extravio de bagagem, perda ou roubo de documentos, ele contará com todo o apoio e coberturas da apólice contratada”.  

Fique de olho nas crianças

Independente se seu filho ou sobrinho é um verdadeiro peixinho, todo cuidado é pouco. Embora algumas empresas disponibilizem o serviço de salva-vidas, a supervisão de um adulto é necessária para evitar afogamentos ou mergulhos em locais rasos. Crianças costumam dançar ou correr ao redor das piscinas e podem cair de forma inesperada.

14 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *