Esporte & Aventura

Mineiros que venceram a morte fazem vídeo para motivar a seleção do Chile

Na copa de 2010, uma bandeira rasgada e suja, hasteada na entrada do centro de treinamentos da seleção do Chile, era para os chilenos, um símbolo da reconstrução do país, que havia sido atingido por um violento terremoto que matou mais de 500 pessoas e deixou outras 200 mil sem casa em diversas cidades. Em meio aos escombros do vilarejo de Pelluhue, um dos lugares mais destruídos, a bandeira foi encontrada por um morador local, e exibida como sinal de orgulho e esperança dos chilenos na recuperação após a tragédia. No mesmo ano, 33 trabalhadores foram resgatados de uma mina em Campamento Esperanza, no Chile, depois de 69 dias presos 722 metros debaixo da terra. Eles “venceram a morte”, e agora, gravaram um vídeo direto do local de sua luta, incentivando a seleção do Chile a enfrentar seu próprio medo da morte, 0 grupo B com Espanha, Holanda e Austrália, um verdadeiro grupo da morte para o Chile no Mundial de 2014.

A bandeira foi encontrada por, Bruno Sandoval, e exibida como sinal de orgulho e esperança dos chilenos na recuperação após a tragédia.

A bandeira foi encontrada por, Bruno Sandoval, e exibida como sinal de orgulho e esperança dos chilenos na recuperação após a tragédia.

A campanha publicitária do Banco de Chile mescla imagens do resgate com lances de jogos do Chile, e usa o drama dos mineiros para motivar a moral da equipe, que deve enfrentar muita dificuldade no grupo B.  O comercial termina com a assinatura “Para um chileno nada e? impossi?vel”. É realmente um vídeo emocionante!

[youtube=https://www.youtube.com/watch?v=wQS8rFDR9cY]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *