Variedades & Tecnologia

Passo a passo para planejar cada serviço do casamento

Planejar o casamento é a principal estratégia para que os noivos alcancem o sonho do sonho perfeito. Seja grande ou mais intimista, fazer planos, cálculos e tomar decisões nos momentos certos é fundamental para o sucesso das bodas.

passo a passo

É ideal começar o planejamento o mais cedo possível – de preferência, em torno de 18 a 12 meses antes. O tempo será necessário para definir as prioridades, definir os responsáveis por cada serviço, elaborar as listas de opções e de presentes e escolher o melhor site de casamento .

Ter o tempo como aliado evita atropelos, possibilita resolver imprevistos com calma, garante espaço na agenda do profissional sonhado e oferece a oportunidade de avaliar várias opções e negociar bons preços com os fornecedores. A disponibilização e autorização ao casal chegar ao esperado dia sem preocupação.

Entre 18 e 12 meses antes: primeiras decisões

As primeiras providências a serem selecionados quanto ao casamento, neste passo a passo, são decidir a data e definir o orçamento. Estes são os pontos de partida de todo o processo e que vão conduzir diretamente nas demais decisões que serão aprovadas.

Especialistas orientam que, a partir do momento em que a ideia do matrimônio se torna uma realidade para o casal, deve-se começar a economizar. A primeira recomendação é que seja criada uma reserva exclusiva para essa propriedade, à parte das contas pessoais do casal. A estratégia dá mais controle sobre o montante destinado aos custos do casamento.

Em paralelo, outra definição importante é como será a serviço. Nessa etapa será verificado o agendamento na igreja ou no local de preferência dos noivos. Se a opção for por um dia em um dos meses mais concorridos, como maio e setembro, quanto antes marcar, melhor. Neste momento, se o casal deseja que a celebração seja conduzida por uma pessoa específica, vale checar a disponibilidade da data e agendar.

A partir disso, chega a hora de outra decisão que costuma exigir muito diálogo: o número de convidados. A definição é determinante para a escolha não só da igreja como do espaço para a festa.

Em torno de 10 meses antes: assessoria

Dentro desse passo a passo, chega a hora de se inscrever em uma plataforma on-line para ajudar no planejamento. Ela colabora com dicas e facilita o contato com escolhas, padrinhos e madrinhas.

“É fundamental escolher o site de casamento com antecedência para que ele seja uma ferramenta aliada no planejamento do grande dia. São mais de 150 recursos para auxiliar na jornada até o altar. Então, os noivos aproveitam melhor; principalmente a lista de presentes convertida em dinheiro e a confirmação de presença – sendo esta última fundamental no planejamento dos casais ”, explica o CEO da iCasei , Luis Machado.

Neste período, o casal já deve ter escolhido e contratado um cerimonialista. O profissional vai orientar na definição dos serviços na contratação de fornecedores, decoração dos espaços e na organização de todos os detalhes prioritários para os requisitos, auxiliando também no momento da encomenda.

Entre 7 e 9 meses: buffet, trajes, fotógrafo e música

É a época para visitar as opções de serviço de buffet, verificar o menu oferecido, o orçamento e fazer a escolha.

Da mesma forma, é hora de procurar ateliês, costureiras e alfaiates e as lojas especializadas. As roupas podem precisar de ajustes para ficarem perfeitas. Resolver com antecedência evita decepções.

Depois é chegada a hora de buscar por músicos ou DJs. O ideal é conhecer os profissionais antes, verificar se o estilo combina com o casal, se há disponibilidade na data prevista e o orçamento do trabalho.

Seis meses: padrinhos, damas e pajens, salão, lua de mel e casamento civil

Padrinhos, madrinhas, damas e pajens devem ser selecionados com prazo mínimo de seis meses. Eles também devem ser informados sobre os trajes que devem usar ou sobre o tipo de casamento, para que as roupas sejam fornecidas. Caso queiram ter mais controle, os noivos podem encaminhar os padrinhos ao mesmo local que irá atendê-los, para evitar escolhas que destoem do que está sendo organizado.

Neste período, devem ser seguindo duas decisões importantes: o salão de beleza onde os noivos vão se preparar e o contratação do pacote para a viagem após o casamento. Você sabia que  cotas de lua de mel podem ser uma opção de presentes dos casais? Por isso definir o destino com antecedência também facilita nas decisões futuras.

Também é o momento de procurar o cartório para começar o processo de casamento civil, com a entrega dos documentos e o agendamento da data.

Três meses: buquê, fotos, lista de presentes, convites, danças

Com o fotógrafo definido, chega o momento de fazer o ensaio fotográfico ou em vídeo de anúncio do casamento. O material pode ser usado em convites, em uma contagem regressiva para o grande dia, no site de casamento ou como a imaginação do casal permitir. 

O formato dos convites também deve ser definido com essa antecedência, uma vez que é necessário contratar uma gráfica e escolher o modelo. Nessa etapa, o número de convidados precisa ser definitivamente decidido.

Além disso, o casal deve configurar na plataforma de organização a lista de presentes de casamento . O CEO Luis Machado destaca que muitos casais descobriram que é seguro receber presentes em dinheiro. “Ganhar presentes em dinheiro é coisa séria. A segurança com o dinheiro dos casais é prioridade em uma empresa idônea. No iCasei, uma transação toda tem uma mesma segurança de um banco operando on-line. Além disso, o valor ganho é transferido direto na conta cadastrada, sem intermediários ”, explica.

A lista de presentes não precisa ser necessariamente disponibilizada junto com a entrega dos convites que, geralmente, ocorre dois meses antes dos dados. Organizar uma relação em uma plataforma especializada, com mais antecedência, pode facilitar para os noivos.

A antecedência de três meses é o momento para decidir como será o buquê e quem o fará. Para casais que gostam de performar, é o momento de contratar um profissional de dança, para ajudar com a coreografia, se necessário.

Com a programação feita, a tarefa é monitorar se todos os serviços estão correndo como o planejado, fazer chá de cozinha, de lingerie ou ambos. Na reta final, estão presentes a última prova dos trajes, o ensaio no local da data, preparar as malas para a lua de mel e, então, curtir o grande dia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *