Variedades & Tecnologia

Museu de Stonehenge reabre totalmente reformulado

 

Stonehenge, o famoso e misterioso monumento pré-histórico, abriu nesta quarta-feira (18/12) seu novo museu nos arredores de Salisbury, no sul da Inglaterra.

O novo museu fica 1,5 quilômetros das rochas de Stonehenge e busca explicar um pouco do que já se descobriu sobre o sítio pré-histórico

O novo museu busca explicar um pouco do que já se descobriu sobre o sítio pré-histórico.
Foto: James O. Davies/English Heritage.

Mais de 250 objetos de importância internacional estão em exposição, e a cabeça reconstruída de um homem no início do período Neolítico é um dos destaque. As imediações das pedras também estão passando por uma melhoria significativa. Uma estrada que passava ao lado foi coberta de grama. O estacionamento e a loja de lembranças foram movidos para não atrapalhar a visão da paisagem. Só uma rodovia permaneceu porque era muito caro criar um túnel ou desviá-la. A restauração da paisagem no entorno de Stonehenge será concluída no verão Inglês de 2014.

Grama recém-plantada na antiga estrada que foi fechada para retornar Stonehenge para sua configuração original.

Grama recém-plantada na antiga estrada que foi fechada para retornar Stonehenge para sua configuração original. Foto: Clare Kendall/English Heritage.

O museu está localizado a 1,5 quilômetros de distância de Stonehenge, o acesso dos visitantes agora é realizado por um ônibus do próprio museu, o monumento não é visto do prédio, e começa a emergir lentamente no horizonte durante a viagem de transporte que dura cerca de 10 minutos.

– Havia muito tráfico e banheiros temporários. Era muito feio. As pessoas que vinham aqui também não tinham informação sobre as teorias que envolvem este monumento incrível. Para que era usado, porque foi construído – comentou Simon Thurley, diretor do English Heritage.

Espaço de exposição no novo centro de visitantes

Espaço de exposição no novo centro de visitantes.
Foto: Clare Kendall/English Heritage.

As pedras, que chegam a atingir cinco metros de altura, foram erguidas a quatro mil e quinhentos anos, seguindo a movimentação do sol.

Em exposição, a cabeça reconstruída de um homem no início do período Neolítico - Foto Kieran Doherty - Reuters

Em exposição, a cabeça reconstruída de um homem no início do período Neolítico.
Foto Kieran Doherty – Reuters

Os visitantes poderão ver objetos usados ??na sua construção e os relacionados com os homens do período Neolítico e da Idade do Bronze, suas vidas, seus rituais e lutas diárias. A exposição especial vai mostrar objetos importantes, nunca vistos juntos antes, e voluntários especialmente treinados começarão a construir um grupo de casas neolíticas em janeiro, completo com móveis e acessórios. Estes serão o destaque de uma galeria ao ar livre, para exibição na Páscoa de 2014.

Uma galeria ao ar livre com um grupo de casas neolíticas com móveis e acessórios vai abrir na Páscoa de 2014

Uma galeria ao ar livre com um grupo de casas neolíticas  será inaugurada na Páscoa de 2014

A experiência virtual de 360 ??graus que permite aos visitantes ficarem nas pedras de forma virtual transporta o espectador de volta no tempo através dos milênios e permite experimentar os solstícios de verão e inverno.

Experiência virtual de 360 ??graus - Uma sala traz um panorama em 360° das pedras de Stonehenge

Experiência virtual de 360 ??graus – Uma sala traz um panorama em 360° das pedras de Stonehenge.
Foto: Clare Kendall/English Heritage.

As visitas a partir de 1º de Fevereiro de 2014, serão gerenciadas por meio de bilhetes cronometrados e a reserva antecipada é fortemente recomendada. Para o horário de funcionamento, preços e reservas on-line, basta conferir no site www.english-heritage.org.uk/stonehenge.

2 Comentários

  1. Pingback: Embarque na Viagem

  2. Pingback: Embarque na Viagem

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *