Variedades & Tecnologia

“Doe um fone a um funkeiro!!” Só ao funkeiro??

E quem nunca ouviu ou até mesmo falou aquela frase: “doe um fone de ouvido”? Tão usada nesses tecnológicos dias em que os aparelhos eletrônicos invadiram de vez as ruas e principalmente o transporte “público”, nas grandes cidades.


Ouvir música sempre foi uma paixão mundial. As pessoas adoram ouvir um novo hit, um novo álbum do seu cantor predileto e, até mesmo, as músicas que marcaram gerações.

O problema começa quando esse amor pela música passa do limite, tornando desagradável algo que poderia trazer felicidade.
E esse é o grande problema, hoje em dia, das pessoas que utilizam os coletivos. A música ouvida por alguns cidadãos, dentro do transporte, em alto volume e, pior ainda, sem os benditos fones de ouvido, causam transtorno e desconforto à maioria dos passageiros. Muitos até acham que, ouvindo a música no máximo volume, estão “arrasando”.

E realmente estão arrasando a paz e a tranquilidade que poderíamos ter dentro do coletivo.

O funk carioca está entre os primeiros da lista. Os fãs desse estilo exibem seus potentes aparelhos celulares, colocando o volume “no talo”. O dito “sertanejo universitário” e o falso forró também lideram o ranking. Nada contra nenhum estilo de música. Cada um tem seu gosto e vivemos democraticamente, respeitando uns aos outros, independentemente do estilo musical. Mas, paciência tem limite.

Campanhas na internet com vídeos e mensagens nas redes sociais, fazem parte dessa batalha travada por cidadãos que buscam, apenas, um meio de transporte para se locomoverem nas suas idas e vindas ao trabalho, passeios etc.

Mas aí vem outra polêmica: e o motorista que carrega o seu rádio ouvindo o som alto também? Pois, alguns motoristas ainda escutam música enquanto trabalham. É um desrespeito ou uma forma de relaxar, mantendo seus passageiros atentos a cada anúncio da rádio ou a cada hit, forçadamente, introduzido na programação daquela estação?

Em tudo deve haver respeito. E na música não é diferente. Nem tudo o que você acha belo e maravilhoso agrada ao passageiro do lado. Pense nisso e boa viagem!!

_____________________________________________________________________________

Fabrício Ramos  é cantor, compositor, colunista cultural e também um pesquisador apaixonado pelo fenômeno UFO. 

Com um álbum todo autoral gravado, que o levou  a fazer turnê no Japão, suas músicas estão conquistando fãs em todo o mundo graças à grande “teia” mundial. Fabrício divide seu tempo entre a graduação de História na PUC-SP e seus shows onde insiste em enviar mensagens de conscientização social, paz e amor, mesclando suas raízes pernambucanas com a música pop. 

Facebook  |  Twitter

Site: www.fabricioramos.com

E-mail: producaofabricioramos@bol.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *