Variedades & Tecnologia

Mad Cool: festival de indie e pop espanhol volta com grandes headliners

Depois de ter edições de 2020 e 2021 canceladas, festival realizado em Madrid volta com grandes nomes da música

Mad Cool Festival
Mad Cool Festival acontecerá em Madrid

Depois de muitas restrições, devido à pandemia do coronavírus (Sars-CoV-2), os grandes festivais e concertos musicais voltam a acontecer em 2022 em diversos países. Com as taxas de vacinação aumentando, o Brasil também entra no radar de bandas e artistas famosos no próximo ano.

Além de Lollapalooza, Primavera Sound e Rock in Rio, um festival chama a atenção pela quantidade e pelo tamanho das atrações confirmadas: trata-se do Mad Cool, festival espanhol que acontecerá no próximo ano, em Madrid

O mais recente artista confirmado no festival foi Jack White, ex-vocalista da banda The White Stripes, que hoje segue carreira solo. Junto a ele, já confirmados estão as bandas de rock e indie rock Metallica, The Killers, Queens of The Stone Age, Deftones e Muse, além de grandes nomes do pop, como Imagine Dragons, Twenty One Pilots, Florence the Machine e Carly Rae Jepsen.


Confira aqui as melhores opções de Seguro Viagem para você viajar em segurança pra todo canto do mundo!!


O Mad Cool Festival acontece desde 2016 e já teve headliners importantes, como The Who, Pearl Jam e Foo Fighters. Por causa da pandemia, as edições de 2020 e 2021 foram canceladas pelos organizadores do evento, que agora prometem um festival que compensará os anos ”perdidos”, vide o lema do festival este ano, que é ”Shine Again”, ou ”brilhando de novo”, em tradução livre. 

Acesso ao festival Mad Cool para brasileiros

Com o fim das barreiras sanitárias aplicadas para viagens à Europa, é possível para brasileiros viajar para o exterior novamente, incluindo a Espanha, país onde ocorrerá o festival. 

Os ingressos podem ser comprados através do site oficial do festival e custam € 65 para quem deseja ir em um dia. Os pacotes para três e quatro dias custavam, respectivamente, € 179 e € 185, com este último podendo ser convertido em, aproximadamente, R$ 1.185, com a cotação atual do euro. 

Se o custo do ingresso se equipara bem aos valores de ingressos oferecidos em festivais do Brasil, a viagem e a hospedagem encarecem bastante o valor final da experiência. Com a alta do dólar e do euro, há quem ache o gasto supérfluo, mas, para quem deseja experienciar a ida à Madrid e ainda curtir o festival, existem algumas saídas que fazem o dinheiro render e possivelmente ajudar os custos da viagem.

Uma poupança ou aplicação em fundos de investimentos são opções para quem deseja ir ao festival, mas ainda não tem o dinheiro para o pacote todo. Depois, com o dinheiro investido e rendendo dividendos, é só embarcar e aproveitar a viagem. 

1 Comentário

  1. Pingback: Embarque na Viagem

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *