Dicas & Destinos

Conheça Afuá, cidade das bicicletas na Amazônia

Um paraíso no Norte do Brasil onde andar de veículos e motocicletas é proibido, e bicicleta é meio de transporte popular

Afuá

Sair da rotina é um desejo imensurável de todos aqueles que vivem nas metrópoles brasileiras. Encontrar um lugar onde não tenha de se preocupar com o trânsito, com um   lugar para estacionar seu carro ou sua moto, sem encontrar uma placa de proibido, é um sonho, ou ainda enfrentar filas enormes e o aperto do transporte público, além de respirar um ar sem poluição, poder caminhar com tranquilidade e segurança… Tudo isso parece irreal, mas esse lugar existe: é a cidade de Afuá.

Afuá é um município do estado do Pará, localizado a 320 quilômetros da capital Belém e a 84 quilômetros de Macapá, capital do estado do Amapá. É uma cidade construída em uma região de várzea, repleta de canais, com ruas e imóveis suspensos em palafitas, vegetação ainda preservada e ar puro.

Com essas características naturais, o meio de transporte mais utilizado é a bicicleta, além de bicitáxi, um veículo não motorizado de quatro rodas montado com a junção de duas bicicletas; portanto, 100% ecológico e divertido. 

A turismóloga da secretaria de Esporte e Lazer da cidade, Andra Lúcia Chaves Ataíde, nascida e criada em Afuá, destaca que “a bicicleta é o eixo central do cotidiano na cidade. A cidade inteira anda de bicicleta; a nossa vida é a bicicleta; nosso meio de transporte é a bicicleta e vai ser pelo resto das nossas vidas”. E complementa: “nossa cidade é específica para este modelo de transporte sustentável.”

Conhecer essa cidade e poder desfrutar de sua natureza, da sua gastronomia, como o delicioso açaí e o Festival do Camarão de água doce – uma festa que acontece anualmente em julho –, e da hospitalidade de sua população é um privilégio para o turista.

Afuá é conhecida em diversos lugares do mundo, pois é uma cidade 100% sem carros, já que automóveis e motocicletas são proibidas, inclusive recebendo apelidos como Copenhagen da Amazônia e Veneza Marajoara.

Andra Lúcia Chaves Ataíde relata que, em uma palestra em Belém, foi perguntado a ela quantos quilômetros de ciclovia tinha a cidade, e ela respondeu que cerca de 24 mil metros, e os participantes não acreditaram, até que ela começou a mostrar fotos do município.

O professor Elton Pinheiro Jardim comenta que “andar de bicicleta previne doenças cardiovasculares, auxilia na recuperação de lesões ósseas e artrite. A gente tem uma mente saudável junto com um corpo saudável”.

Para aproveitar melhor ainda o passeio, alguns cuidados devem ser considerados: calçar um tênis masculino, feminino ou infantil adequados para andar de bicicleta, roupas leves e confortáveis em razão da atividade física e da temperatura local, lembrando da  garrafa de água para hidratação; assim, sua diversão e seu relaxamento estão garantidos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *