Variedades & Tecnologia

Israel reabre suas fronteiras para viajantes totalmente vacinados

Hoje foi divulgada a notícia de que Israel reabre suas fronteiras aos viajantes já vacinados com o calendário completo

Israel reabre suas fronteiras

O governo de Israel detalhou nesta segunda-feira (01) as regras de reabertura para turistas vacinados que estão autorizados entrar no país. Todas as pessoas totalmente vacinadas podem entrar desde que comprovem imunização completa com uma das vacinas aprovadas pela Organização Mundial da Saúde (OMS), sendo Biontec/Pfizer, Moderna, Astrazeneca, Coronavac ou Sinopharm, com s segunda dose tendo sido aplicada há pelo menos 14 dias antes da entrada. A vacinação não deve ter ocorrido há mais de 180 dias no momento da partida.

Se a segunda ou última vacinação já tiver ocorrido há mais de 180 dias antes da partida planejada, uma terceira vacinação, também conhecida como “reforço”, deve ser comprovada. Isso deve ter ocorrido pelo menos 14 dias antes da entrada. Além disso, não será permitida a entrada de visitantes que estiveram em um “País Vermelho” durante os 14 dias anteriores à sua chegada.

O procedimento geral de entrada em Israel

  1. Um teste de PCR deve ser realizado até 72 horas antes do vôo para Israel.
  2. Um formulário de declaração de entrada para Israel deve ser preenchido
  3. Os titulares de um certificado digital verificável – irão escanear ou carregar seu certificado de vacinação ou recuperação no formulário de passageiro que chega e receber um passe verde antes de embarcar no avião. Aqueles que não possuem um certificado digital verificável – irão declarar as vacinas que receberam no formulário de declaração de entrada para Israel, e também irão preencher uma declaração sobre as vacinas administradas no exterior.
  4. Ao embarcar no avião, os seguintes documentos devem ser apresentados: apresentação de um teste PCR negativo realizado até no máximo 72 horas antes da partida; prova de declaração de inscrição; e certificado de vacinação válido
  5. Teste PCR no pouso no Aeroporto Ben Gurion; Os participantes permanecem isolados até que um resultado negativo seja obtido, mas não mais do que 24 horas.
  6. Aqueles que foram vacinados com as vacinas Sputnik são submetidos a um teste sorológico no Aeroporto Ben Gurion e se isolam até que o resultado do teste seja positivo. Isso é feito em adição ao isolamento até o resultado negativo do teste de PCR na aterrissagem.

Com informações de Mercado & Eventos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *