Variedades & Tecnologia

Festival de documentários SR Socially Relevant Film Festival 2020 será virtual e gratuito

O festival de filme  PRLog – SR Socially Relevant Film Festival 2020 (SRFF 2020) realizará um evento online, abordando a experiência negra com documentários das sete edições anteriores do festival. O evento começou nesta segunda e continua diariamente até quinta-feira, além de  apresentar os cineastas em uma conversa com moderadores convidados, entre eles o premiado Chef Jeff Henderson e o crítico de cinema de Nova York Louis Proyect. Todos os programas de cinema e palestras são gratuitos e abertos ao público.

SR Socially Relevant Film Festival 2020

A ideia da realização dessa edição virtual surgiu para destacar filmes que documentam uma reforma política e, por meio deles, manter viva a chama do protesto. “Agradecemos aos cineastas que concordaram em disponibilizar seus filmes nesta retrospectiva para que todos possamos celebrar a força crescente do movimento Black Lives Matter ”, disse a Diretora Artística Fundadora, Nora Armani, em entrevista exclusiva.

“Eu estava cansada de ver cartazes de filmes com armas, terror e outras formas de violência retratadas neles. E não temos escolha, pois eles estão lá nos olhando em pontos de ônibus, outdoors e em todos os lugares. Eu queria oferecer uma forma alternativa de entretenimento que contava histórias de interesse humano, em vez de depender de sensacionalismo e efeitos especiais. O outro motivo foi para comemorar o assassinato violento de minha prima e meu tio,  vítimas de um crime de ódio. Então criei SR Socially Relevant ™ Film Festival NY que se concentra em uma ampla gama de questões sociais. “

Nora Armani chama a atenção para o momento delicado em que estamos vivendo, tanto no nível de preconceito e discriminação racial quanto no nível de pandemia. “Uma é uma doença social, a outra, física. Ambos ameaçam a sociedade e a raça humana. COVID-19 nos ensinou que, a menos que nos unamos e sejamos inclusivos, nunca seremos capazes de vencer a luta contra esta doença. Estamos todos juntos e, como humanos, temos que aprender a ser mais do que tolerantes, precisamos ser mutuamente inclusivos e solidários uns com os outros. É a única saída tanto no nível racial quanto no nível pandêmico. “

Essa é a sétima edição do festival que  estava programado para abrir em março porém, cinco dias antes da estreia no Lincoln Center, em Nova York, começou a pandemia e tudo foi cancelado.  Eles foram forçados então, a realizar o festival virtual, agora no mês de agosto. Nora Armani disse que não é a mesma coisa, porém com a edição virtual serão capazes de ampliar seu público alçando pessoas no mundo inteiro.

“Além disso, quase todos os cineastas puderam participar das transmissões online ao vivo “Meet the Filmmakers” que fizemos e, agora, pensamos que a edição de 2021 deve ser híbrida. Não é fácil, mas todos estamos nos adaptando e encontrando novas formas de apresentar nosso trabalho”, diz Nora. 

O eventos conta com documentários feitos na Itália escrito por Valentina Acava Mmaka, Londres, Quênia, Portugal , Austrália, Los Angeles, Chicago, Louisville, Princeton e, claro, Nova York. 

Como assistir

Existe um botão de venda de ingressos (que é gratuito) no site do festival https://www.ratedsrfilms.org. Primeiro  é necessário fazer um cadastro e depois eles  enviam os links e senhas dos filmes. Para assistir os filmes após o horário de estréia é só ir no canal do festival no https://www.youtube.com/channel/UCTSz55oZhoPPlhJos82RoSw?disable_polymer=true


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *