Variedades & Tecnologia

Alteração na solicitação de Visto para o Egito

A partir de 15 de maio, os estrangeiros que visitarem o Egito não irão mais receber o visto de trânsito, negócios ou turismo nos aeroportos do país árabe. Para entrar em território egípcio desta data em diante será necessário solicitar o visto com antecedência.

A medida é válida para visitantes de qualquer nacionalidade. Os brasileiros poderão fazer o pedido na embaixada em Brasília ou no consulado do Rio de Janeiro. O anúncio da mudança foi feito pelo Ministério das Relações Exteriores do país árabe.

Passaporte

O pedido de visto pode ser feito por qualquer pessoa interessada em visitar o Egito, não sendo necessária a intermediação de agentes de viagem, hotéis ou companhias aéreas. Também não é necessário que o viajante já tenha a passagem comprada. Somente turistas que viajem em grupos organizados estão isentos da nova regra de solicitação de visto.

O pedido pode ser feito pessoalmente, por meio do uso de serviços postais ou dos serviços de despachantes. Entre os documentos necessários estão o passaporte original com validade mínima de seis meses e o certificado de vacinação internacional contra febre amarela.

As taxas de emissão de visto variam de R$ 115 (entrada única para turista) a R$ 230 (múltiplas entradas para visto de negócios). O pagamento poderá ser feito em dinheiro ou cheque administrativo. O prazo para a emissão dos vistos é de 07 a 10 dias úteis.

O visto de entrada única é válido por três meses contados a partir da data de emissão do documento. Com ele, o visitante poderá permanecer por um mês no Egito. Já o visto para entradas múltiplas é válido por seis meses a partir da data de sua emissão. O tempo que o viajante pode permanecer no Egito com este visto também é de um mês.

Por Aurea Santos da Agência de Notícias Brasil-Árabe.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *