Dicas & Destinos

Expedição Pitadas explora sabores da culinária goiana

Por: Daniella Barbosa

Que gosto tem o pequi? Bom, parece um tanto óbvio, mas a única resposta possível é pequi tem gosto de pequi! Trata-se de um fruto do cerrado com uma coloração amarelo vivo e um sabor tão específico que fica difícil comparar com qualquer outra coisa no mundo. Embora seja utilizado na culinária de outras regiões, o pequi é considerado tipicamente goiano, um ingrediente fundamental em pratos tradicionais como o arroz com pequi ou o frango com pequi.

Risoto sabores do cerrado - Prato da chef Emiliana Azambuja

Risoto sabores do cerrado – Prato da chef Emiliana Azambuja

Já que estamos falando em pequi, que tal experimentar uma porção de guariroba, um picolé de taperabá, um sorvete de mangaba ou uma pamonha à moda? Nunca ouviu falar nessas guloseimas antes? Não se preocupe, muita gente também não, mas saiba que são alimentos típicos da culinária goiana.

Esta semana, tive a chance de conhecer um time de renomados chefs de cozinha e especialistas paulistas que desembarcou em Goiás para explorar as especificidades da culinária goiana.  Os participantes da chamada Expedição Pitadas, vieram ao Estado com a missão de procurar elementos para fundamentar os trabalhos do Festival Pitadas, programado para os dias 10, 11, 12 e 13 de outubro, em Goiânia.

Festival-Pitadas

A chef Mara Sales e Ivan Ribeiro do renomado restaurante Tordesilhas, bem como a colunista do Estadão Neide Rigo, foram alguns dos especialistas que participaram da Expedição Pitadas. A caravana visitou feiras, restaurantes, produtores rurais na Cidade de Goiás, Pirenópolis e na capital Goiânia.

Pastelinho de Goiás feitos pela Dona Rita

Pastelinho de Goiás feitos pela Dª Rita

A arquiteta e chef de cozinha Ana Soares encantada com as cores e sabores da mesa dos goianienses disse: “A pimenta daqui é um fruto! Maravilha as cores e sabores da comida goiana”. Já a colunista Neide Soares escreveu no blog Come-se (https://www.come-se.blogspot.com.br): “Acabei de voltar de Goiânia, terra das melhores pamonhas e do empadão. Com as malas lotadas, sempre. E feliz por ter visto naquela cidade o surgimento de um movimento de gente jovem ligada à gastronomia interessada em promover uma cozinha riquíssima, porém desconhecida”.

Ficou curioso para saborear as delícias da cozinha goiana? Tome nota na agenda, programe-se e seja muito bem-vindo para participar do Festival Pitadas, no mínimo você irá desafiar o seu paladar com sabores dos mais inusitados.

Banca de Pimentas, na feira do Ateneu

Banca de Pimentas, na feira do Ateneu

Festival Pitadas-2

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *