Dicas & Destinos

Cidade bossa nova completa 52 anos

.

A cidade de Brasília-DF está completando 52 anos

O clima de ufanismo e esperança no progresso e desenvolvimento que marcou os anos do governo de Juscelino Kubitschek, entre 1956 e 1960, culminou com a inauguração de Brasília, no dia 21 de abril de 1960.

Entre todas as cidades brasileiras tombadas como patrimônio da humanidade pela Unesco, o conjunto arquitetônico de Brasília é o único moderno. As características peculiares da capital federal receberam o título em 1987. O argumento era de que a cidade planejada , dividida em quatro esferas independentes, e com funções específicas (uma área monumental, outra residencial, outra gregária e outra de lazer) davam ao local uma característica única.

Vale lembrar que a construção de Brasília foi a promessa de campanha mais ambiciosa do presidente Juscelino Kubitschek. Sua meta era tranferir a capital do Rio de Janeiro para o planalto central em 1960. Assim JK pretendia distribuir melhor a população brasileira e resguardar a soberania nacional. Sem saber o que estava por vir, Juscelino nos presenteou com uma cidade extremamente organizada, funcional e particularmente única em nosso país.

De lá saíram grandes nomes da música, dramaturgia, artes e claro, da política.

Como o ar de Brasília é muito seco, fique atento a sua hidratação. Ande sempre com soro fisiológico na bolsa para pingar no nariz e nos olhos que ressecam com muita facilidade. Ah, um mapinha também é muito importante, a cidade é toda divididinha.

São vários os cartões postais imperdíveis de Brasília, mas a espalanada dos ministérios e o congresso nacional valem uma visita carinhosa e cuidadosa. Visite com calma cada pedacinho da cidade e arredores. Afinal, não é á toa que Brasília foi carinhosamente apelidada de “cidade bossa nova”.

Turismo ecológico

Criado em 1961 por Juscelino Kubitschek, o Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros é, sem dúvida, uma das melhores opções de turismo ecológico na cidade. Localizado a 240 km de Brasília, no norte do estado de Goiás, o parque tem uma área de 236.570 hectares e é administrado pelo Ibama. A região abriga uma das mais antigas formações geológicas do mundo, com cerca de 1,8 bilhões de anos, sendo anterior à Floresta Amazônica e à Mata Atlântica. Trata-se de uma reserva ecológica com cachoeiras, minas de cristal, e ricas flora e fauna. Seu cerrado surpreende pela variedade de flores, como canelas de ema, bromélias e orquídeas. Um dos pontos mais visitados pelos turistas é a Cachoeira da Rodoviária, que tem este nome porque de lá partiam os ônibus levando e trazendo garimpeiros. Segundo pesquisa da NASA, a chapada foi considerada o ponto de maior luminosidade visto da órbita da Terra, devido à quantidade de cristais de quartzo que afloram do solo, além de inúmeros outros metais e minérios. O cristal de quartzo é a marca registrada da região, exercendo especial atração sobre os esotéricos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *